salve.seus.dados@gmail.com

Saiu na mídia – Como a privatização de duas estatais coloca em risco a segurança dos seus dados

Saiu na mídia – Como a privatização de duas estatais coloca em risco a segurança dos seus dados

O jornal Brasil de Fato publicou, em seu site, matéria sobre como a iniciativa privada pode não garantir a segurança dos dados sigilosos guardados por Dataprev e Serpro. Ao longo do texto, a reportagem esclarece qual a importância de ambas as empresas para o país e também, em conversa com funcionários, relata os riscos aos quais o Brasil ficará exposto caso a venda delas seja concretizada.

Ugo Cavalcanti, analista da Dataprev, relata, por exemplo, como os dados podem ser explorados por empresas que visam obter lucros com informações dos cidadãos:

Esses dados podem sim ser manipulados, trabalhados e fornecidos para empresas que têm muito a ganhar com essas informações. São seguradoras, bancos, planos de saúde, financeiras, todas elas interessadas nesses dados. O risco existe e é altíssimo.”

Além disso, ele indica que a natureza crítica dos serviços prestados por Dataprev e Serpro faz com que a passagem deles para o controle do capital privado deixe o Estado brasileiro refém dos novos donos dessas empresas em caso de disputas contratuais e atrasos de pagamento:

As empresas privadas tendem a elevar os seus preços, sabendo que o Estado está na mão delas, como se fosse uma faca no pescoço do estado. Como elas visam o lucro elas dizem ‘se você não me pagar eu paro meu serviço’ e é aí que está o risco de deixar esses milhões de benefícios com uma empresa privada que pode, a qualquer momento, querer ganhar mais do que deve e interromper o serviço.”

Por sua vez, Leonardo Nichelatti, funcionário do Serpro, aponta que as multas previstas na Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) muito provavelmente não serão suficientes para impedir o mau uso dos dados, o que desmonta o argumento do governo federal de que a legislação, que ainda não está em vigor, bastará para que os eventuais compradores de Dataprev e Serpro não obtenham vantagens financeiras e competitivas com os dados que passarão a administrar.

Para ler a matéria completa, acesse o link https://www.brasildefato.com.br/2019/12/23/como-a-privatizacao-de-duas-estatais-coloca-em-risco-a-seguranca-dos-seus-dados

Compartilhe:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *